Laerte Coelho

         Sentimentos & Poesias

Meu Diário
25/11/2013 19h57
Homenagem da Filha para o Pai

É... Que ano difícil, sem dúvida o mais difícil da minha vida.
Eu não perdi só o meu pai, meu amigo, perdi a melhor parte de mim.
Sem o senhor me tornei uma pessoa tão diferente, tão amarga e sem vida.
Não tenho vontade de sair, não tenho... vontade de sorrir, não tenho vontade de nada, nem de vencer porque o senhor não vai estar lá com aquele olhar de bobão orgulhoso dizendo pra todo mundo: " Essa é a minha boneca! "
" Ela tem um brinco na língua sabia? Mostra a língua filha!"
" Minha filha, aaah ela é mais botafoguense que eu, já foi até sozinha nos jogos, com aquele pessoal da fúria!"

Agora eu reclamo de tudo, não quero estar em locais cheios, vivo chorando pelos cantos, me tornei uma pessoa triste, grosseira, descrente, e não sei quando essa nova filha infeliz e insuportável vai e se vai embora.

Mas só sei que o senhor me fazia feliz.
E com o meu herói eu sabia que no final tudo ia dar certo!

Se tem uma pessoa nesse mundo que eu tinha certeza que largava o tudo e fazia um milagre só para me ver sorrir, eu sei que essa pessoa era o senhor.
- “Minha filha, não comprei seu ice tea hoje porque não tinha o que você gostava, mas amanhã papai vai a outro mercado comprar!”
-” Não precisa paaai *--* "

Nunca conheci pessoa mais bem disposta para fazer as coisas, ele desconhecia a palavra preguiça! Ai como eu queria ter herdado isso dele!!!!

Deixei muito de sair só pra ter o prazer de jantar com ele no Cervantes,
Domingo era dia de Abelão!
Jogo do fogão era com ele no engenhão,
Era tudo o que eu mais gostava de fazer!!!
Deixei, mas deixaria muito mais, deixaria TUDO, e faria qualquer coisa só para canta PARABÉNS PARA VOCÊ hoje.

Como não posso, eu só agradeço muito a Deus no dia 22/11/1939 ter permitido que a pessoa mais maravilhosa viesse ao mundo.
Lutou muito, realizou muito e principalmente fez tanta gente feliz.

Obrigada pela mensagem no sonho outro dia. “Filha Para de questionar. Todo mundo tem sua hora, e a minha chegou.”

Vou tentar, mas não precisava me dar bronca hunf!

A foto: Tenho muitas dele bonitão todo arrumado, fazendo churrasco, dançando... mas essa relata bem a sua doçura, relata a simplicidade das coisas que o fazia feliz. Foi em Lambari viagem que ele gostou muito de fazer com pessoas que ele adorava, e pra variar eu como sua oficial paparazzi tirei foto dele tomando café da manhã rs...

Obrigado por tudo!

Sinto sua falta todos os dias.

Vou te amar pra sempre.


Publicado por Laerte Coelho em 25/11/2013 às 19h57
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras